Como tirar o visto de estudante para Itália

visto_italiano_de_estudante_para_italia_8-1920x960
Descubra tudo sobre o visto de estudante para Itália, desde como obtê-lo até como oficializá-lo já quanto você estiver em solo italiano.

Visto de estudante para a Itália é um documento indispensável para quem pensa em fazer um intercâmbio no país.

Você está pensando em morar na Itália e de quebra ainda estudar italiano? Antes de qualquer coisa precisa pensar nos aspectos práticos e burocráticos. Vamos lá: O curso será de curta duração? Será um intercambio cultural? Ou o curso será mais longo?

Vamos tirar todas essas dúvidas! E lhe informar como proceder para tirar o visto de estudante para Itália.

Mas antes de explicar como fazer o visto de estudante para Itália é importante você entender um pouco sobre os tipos de cursos e vistos específicos.

Tudo pronto aí? Vamos nessa!


Visto de estudante para Itália: Cursos de curta duração

visto_de_estudante_para_Itália_1
Immigration control

Se você quer estudar italiano na Itália, por exemplo, o primeiro passo é tirar um visto de estudante para Itália. Mesmo que seja um curso de curta duração – menos de 90 dias. Embora, você possa ficar apenas como turista, porém é adequado providenciar um documento chamado declaração de presença ou dichiarazione di presenza.

Dichiarazione di presenza é para pegar somente se o seu voo não foi direto para a Itália, mas se caso for você terá o carimbo no passaporte feito pela imigração italiana que a substitui. Na falta do carimbo a declaração deverá ser solicitada em até 8 dias da sua chegada na questura da cidade italiana a qual você estiver

Esse registro não é um visto de estudante para Itália, mas será importante tirar para qualquer eventualidade. Há uma tarifa para a retirada da declaração.

*Se o seu voo foi direto para Itália o carimbo de entrada pelo aeroporto italiano substitui a dichiarazione di presenza.

“Algumas pessoas querem que algo aconteça, outras desejam que aconteça, outras fazem acontecer.”

MICHAEL JORDAN



Visto de estudante para Itália : Cursos  de longa duração

Já para os cursos de longa duração, mais de 90 dias, você precisará de um visto de estudante para Itália. Certamente, antes mesmo de viajar, você deverá ir ao consulado italiano no Brasil para providenciar tudo que será necessário para a concessão do seu visto de estudante para Itália. Geralmente, você precisará de:

Todos os itens que já mencionamos no tópico abaixo , além de:

  • Fotografia 3×4;
  • Comprovante de residência brasileira
  • Ser maior de 14 anos;
  • O seguro viagem e saúde deve cobrir também internações e casos de urgência em hospitais sem limite de gasto e de duração. É possível contratar o INA- Seguros da Itália, essa modalidade o seguro é mais barato, cobre casos de internação de urgência. Porém, não cobre consultas de rotina e ambulatoriais dentro da Itália. E ainda, mas não é o seguro de saúde/viagem exigido para entrada de sul-americanos. Para quem for estudar fora recomendamos sempre um seguro mais completo, nunca sabemos o dia de amanhã não é mesmo? Para entender melhor sobre o seguro veja todos os detalhes aqui.
  • No dia em que for ao consulado é necessário apresentar a inscrição ou matrícula do curso e ele precisa ter pelo menos a carga horaria mínima de 20 horas semanais, no que tante os cursos de italiano.
  • Antes mesmo de apresentar os documentos junto ao consulado, você deverá já ter a pré ou inscrição no curso pretendido. Conforme, tiver sido evetuado o deposito do valor do curso de uma única vez para a instituíção escolhida e enviando também a
    ficha de inscrição . Posteriomente, a sua inscrição será efetivada.

Embora, este procedimento dependa apenas de cada instituíção que pode ou não lhe dar uma pré-inscrição antes do pagamento, porém normalmente é necessário efetuar o pagamento antes.

  • O colégio ou universidade emitirá o certificado que o aluno fez o pagamento e a inscrição.
  • Você também precisará já haver a comprovação de uma reserva de alojamento para a temporada que passará na Itália. Somente depois disso que o Consulado avalia a permissão do visto de estudante para Itália.

No caso das universidades e ou outros cursos permanecem a mesma documentação e o comprovante de inscrição.

A aprovação pode durar até 60 dias, então por isso fique atento a data da sua viagem para não fazer tudo em cima da hora.


Para estudar na Itália, e na imigração como é?

Mesmo se você for com visto de turista você terá que comprovar:

  1. Comprovar ter condições financeiras de se manter nesse período na Itália;
  2. Estar com o passaporte válido e pelo menos com validade superior a seis meses, antes da data de pedido do visto;
  3. Ter as passagens aéreas de ida e volta ou a reserva do voo;
  4. Confirmar que tem onde morar ou se hospedar durante o tempo que estiver na Itália;
  5. Providenciar um seguro saúde e seguro viagem com cobertura não só para a Itália, bem como ser válida para todos os países que integram a área Schengen;
  6. Esse seguro não pode a cobertura inferior a exigida, consulte-nos para indicações.

visto_italiano_de_estudante_para_italia_5

Posso ter meu visto de estudante para Itália negado?

Dificilmente você terá o visto negado se seguir as regras, mas infelizmente a resposta é sim, pode acontecer. Pois, somente a autoridade consular, isto é o consulado italiano pode determinar se vai te conceder o visto de estudante para Itália. Pois, a sua conceção não é um direito garantido.

Outras dicas importantes para te ajudar a garantir o seu visto de estudante para a Itália:

  • Mesmo que você pretenda fazer um curso de idiomas, se já tiver estudado italiano no Brasil, apresente o certificado de nível no Consulado Italiano, mesmo que seja o nível básico! Isso ajuda, pois é uma justificativa a mais para o seu pedido de visto;
  • Se você está buscando um visto para fazer faculdade ou pós-graduação na Itália, apresente todos os certificados que você possuir, inclusive aqueles de palestras e conferências;
  • Mostre que é um (a) bom menino (a), se fez algum serviço voluntário ou colaborado com alguma comunidade, ajunte também este certificado a sua documentação.
  • Se dirija ao Consulado Italiano bem vestido (a) nunca com bermuda ou saias muito curtas;
  • Siga a risca as regras de tudo o que eles te solicitarem;
  • Nunca discuta com o funcionário do consulado;
  • Espere atentamente conforme o prazo que te deram, uma vez completado o prazo se não tiver um veredito, vá solicitar informações.

Caso tenha seu visto de estudante para Itália recusado, o Consulado Italiano deve dar explicação do motivo da recusa por escrito. E também, deverá te dar às informações necessárias para você recorrer e fazer um segundo pedido.

Tenho o visto de estudante para Itália, preciso de mais alguma coisa?

Precisa! Ao chegar na Itália você precisa validar seu visto. E, você tem o prazo de oito dias úteis após chegar na terra do Papa para comparecer até um ufficio postale (correios) e solicitar o Permesso di Soggiorno, documento emitido pela delegacia ou questura (policia de imigração).

Na questura darão entrada no seu permesso di soggiorno, que é uma permissão de estadia no país.

Para mais informações de como fazer o permesso di soggiorno veja no final dessa página: Como tirar o permesso di soggiorno na Itália?

Tenho passaporte europeu, previso de visto de estudante para Itália?

Quem tem cidadania europeia não precisa do visto de estudante para Itália. Neste caso, só é preciso preencher um documento chamado stay card, que é obtido na embaixada italiana ou no consulado.

Mas para viajar para Itália precisa de visto?

E só para esclarecer o visto de estudante para Itália é diferente de um visto turístico. E por isso cada um tem suas próprias regras.

Se pretende ficar até 90 dias em terras italianas, você não precisa de visto, pois turistas podem permanecer na Itália por um período de três meses.

Você vai precisar do passaporte, claro! Ele precisa estar válido e a data do vencimento ser superior em mais de seis meses para o período que pretende ficar na Itália.

Quando passar pela imigração saindo do Brasil e entrando na Itália irão conferir o passaporte e também se tem passagens compradas com data de volta, dentro desse período de 90 dias permitidos. 

Vai ficar mais de 90 dias como turista na Itália?

Se você vai fazer uma viagem mais longa precisará de visto. Neste caso, seria um visto especial. Pois, sem ele depois dos 90 dias você terá de voltar para o Brasil e retornar só depois de seis meses. Esse visto especial de turista não dá direito a trabalhar na Itália, tampouco estudar em uma universidade italiana.

Tá dando para entender todas as regras até aqui? 

Visto de estudante para quem já está no território italiano

A liberação ao estrangeiro do visto de estudante para Itália, para quem já se encontra em  território italiano não é concedida. Por isso, para quem já está na Itália e deseja estudar, é necessário voltar ao Brasil.

O pedido de visto deve ser feito pela própria pessoa interessa junto ao consulado italiano em solo brasileiro ou onde o interessado já tiver residência.

Na Itália, para quem já possui visto, é bom saber que nem todos eles permitem que o  Permesso di Soggiorno seja prorrogado ou renovado pela Questura, ou seja delegacia de imigração. Isso vale para vistos como por exemplo do tipo “C”.

A mesma coisa acontece com o visto de estudante para Itália em um curso regular não dá direito a renovação do mesmo para o curso universitário.

A renovação é consentida somente para determinados tipos de vistos.

Se precisar de mais informações nesse sentido procure o consulado italiano mais perto de você. Ou solicite uma consultoria para nossa equipe. 

Visto italiano, conheça outros tipos

Há outros tipos de visto, além do visto de estudante para Itália. Caso você tenha ido, por exemplo, para um curso de mestrado na Itália, ou outro tipo de curso superior com duração mínima de um ano, você pode tentar outro tipo de visto assim que encerrar seu período de estudo.

Antes de vencer seu visto de estudante na Itália, você pode procurar um centro de emprego – já falamos dele aqui no site, nesse artigopara preencher um cadastro e solicitar um novo Permesso Di Soggiorno, dessa vez para Per Attesa Occupazione ou espera de ocupação. Esse seria o visto para desempregados e ele te dá direito a ficar mais um ano na Itália, desde que não consiga um trabalho.

Se você for empregado por alguma companhia nesse meio tempo terá de solicitar um visto de trabalho. Para ter direito a esse visto, a empresa que o contratou deverá conceder alguns documentos que comprovem a sua contratação e a remuneração.

Outro tipo de visto é o de família. Mas esse já é um assunto para outro artigo!

Se quiser conhecer outras tipologias de visto para a Itália recomendamos ler o artigo: Veja também: Visto para italia, conheça às tipologias para morar na Itália legamente

Pois com um pouco de organização tudo pode ser evitado. Além disso, sem contar o gasto de dinheiro com uma segunda viagem de ida e volta, hospedagem e outros.

Por isso, organize-se!

Este site é direcionado para Comunidade Brasileira na Itália, para aqueles que vivem ou estão em viagem ao país. A sua contribuição é muito importante para todos nós. Se você quiser colaborar com a melhoria deste artigo atualizando ou complementando às informações por favor nos enviar um e-mail com título e link do artigo junto com suas observações para editorial@vivernaitalia.com

Lascia un commento

Il tuo indirizzo email non sarà pubblicato. I campi obbligatori sono contrassegnati *

You May Also Like